Apontado como vilão do
emagrecimento e culpado
por doenças crônicas, o
carboidrato ganhou uma
má fama equivocada,
pois é fundamental saber
que nosso corpo precisa
dele para estar ativo. 
O carboidrato está para
nós assim como a gasolina
está para o carro, pois
convertido em glicose, ele
garante a energia necessária
que mantém nossas células
em funcionamento e bem
estruturadas.
Variedades
Para desmistificar a má fama,
é preciso compreender que nem
todo carboidrato é igual.
Existem carboidratos simples
e complexos com diferentes
qualidades nutricionais.
absorção, liberando energia
no organismo instantaneamente,
o que aumenta níveis de glicose
no sangue. Costumam ter baixo
valor nutricional, como açúcar
e trigo branco.
têm rápida
Carboidratos simples
têm mais valor nutritivo e trazem
saciedade por mais tempo, pela
lenta absorção no organismo.
Estão em alimentos não
processados como frutas,
legumes e cereais.
ou "do bem"
Carboidratos complexos
Os alimentos industrializados
costumam ter carboidratos
simples com açúcar refinado e
farinha branca, além de outros
componentes que dificultam a
absorção de nutrientes pelo
organismo.
Então, o ideal é ter uma
alimentação balanceada que
priorize comida de verdade com
frutas, legumes, grãos e cereais. 
Os vegetais mais ricos em
carboidratos são raízes como
cenoura, batata, mandioca,
inhame, cará, nabo, etc.
No dia a dia, uma substituição
válida é trocar o pão de farinha
branca por tapioca (que vem da
mandioca) e a farinha de trigo
por farelo de aveia. 
A quantidade e o tipo de
carboidrato a ser consumido
diariamente pode variar de
acordo com peso, idade, estilo
de vida. Por isso, uma visita ao
nutricionista cai bem.
Conheça outras dicas de
alimentação saudável
MOTION ARRAY
PEXELS
PIXABAY
RAWPIXEL
UNSPLASH
LÍCIA MACIEL
LUANNA ESTEVES
imagens
edição
roteiro