Macramê

pontos básicos de

O macramê vem se tornando uma das técnicas preferidas de quem gosta de um toque artesanal na decoração.

Essa técnica milenar de tecelagem utiliza fios trançados e atados em nós. Com o macramê é possível produzir roupas de cama, mesa e banho, além de peças de decoração e utilidades.

Para criar as peças de macramê, não é preciso nenhum equipamento especial e qualquer fio pode ser utilizado.
Basta treinar as mãos e os diferentes nós, com paciência e criatividade.

Aprendendo alguns nós básicos, já é possível desenvolver algumas peças simples e aprender habilidades para projetos mais elaborados.

Para começar, você precisa de qualquer tipo de fio, como um barbante por exemplo. Para fazer a base, pode ser um outro fio, um palito ou até mesmo um galho. Confira alguns nós que fazem parte das bases da técnica do macramê:

Dobre o fio ao meio, passe a dobra por cima da base e leve as pontas por dentro desse laço. Puxe até prender na base.

ponto inicial

Use 4 fios. Passe um dos fios da extremidade por cima dos outros, formando um "4". Leve o fio da outra extremidade por cima do primeiro, por baixo dos fios do centro e saindo por cima do primeiro fio.

nó quadrado

Repita alternando os lados, mantendo o movimento: o fio de um lado forma um "4". O fio da outra extremidade passa por cima do primeiro, por baixo dos fios do centro e sai por cima do fio inicial.

nó quadrado

Comece com 4 fios, passando o fio de uma das extremidades por cima dos demais. Leve o fio da outra extremidade por cima do fio cruzado, por baixo do fios do meio e por cima da alça formada inicialmente.

nó espiral

O movimento é o mesmo do nó quadrado, mas no caso do nó espiral deve ser repetido sempre no mesmo lado, para que o resultado ganhe o aspecto de retorcido.

nó espiral

Com um dos fios da extremidade, defina a inclinação do ponto. Use os próximos fios para dar voltas em torno do fio inicial. Cada fio deve dar duas voltas em torno do primeiro.

ponto festonê

Continue dando duas voltas com cada fio da sequência em torno do primeiro fio. Complete até chegar ao final e, se quiser, volte com o mesmo método.

ponto festonê

Com esses nós básicos, é possível entender a dinâmica dos fios do macramê e treinar. Combinando-os, você já consegue criar peças simples e bonitas.

Descubra como criar um suporte para plantas em macramê utilizando algumas dessas técnicas.

veja mais!

Roteiro, Design e Vídeos: Diana Klippel
Imagens: Unsplash, Pixabay, Pexels